Espinha Inflamada: 17 Dicas que Funcionam (GARANTIDO)

Tudo Sobre Espinha Inflamada

Espinha Inflamada

Como Lidar com Espinha Inflamada

A espinha inflamada realmente gera grande incômodo devido à agressão contra a pele e sensação de desconforto, além da dor.

E a época mais complicada com espinhas é a da puberdade, ou seja, pelo fim da adolescência e começo da vida adulta.

O problema da espinha que por algumas vezes não é evitado, quando se agrava com a inflamação, leva à complicação maior para tratar.

O aparecimento das espinhas pela adolescência, que é mais comum, é dado pelo aumento dos hormônios, e estimulação da produção, através das glândulas sebáceas, do sebo.

Alimentos para diminuir as espinhas

 

(VÍDEO) 5 Incríveis e Simples Tratamentos para Espinhas

(VÍDEO) Acne Causas, Sintomas e Tratamentos

(VÍDEO) Manchas no rosto Receita Leite de Rosas com Bicarbonato

>> RECOMENDAMOS PARA VOCÊ

Existem casos em que, mesmo na fase adulta, as espinhas são empecilhos para muitas pessoas. O aspecto da pele, independente da idade, é um fator ligado à auto-estima individual, sendo a espinha inflamada uma grande inimiga para enfrentar.

A instrução inicial para lidar com a espinha e também evitar a inflamação é não espremer. Com o hábito incorreto, apertando ou espremendo as espinhas, há risco de ficar com marcas pela pele irreversíveis, por isso o cuidado é necessário sem a mancha e cicatriz.

É importante entender que as espinhas inflamadas, na realidade, são inflamações das glândulas sebáceas, e também dos folículos pilosos.

Quando se sabe que a espinha em questão está inflamada, o contato deve ser evitado com a mesma, rigorosamente.

As glândulas sebáceas se encontram no interior dos folículos, daí a produção do sebo, substância caracterizada como oleosa, e que tem função de lubrificar a pele. Na produção em excesso da substância, o folículo tende a ficar cheio de bactérias com irritação.

Com incidência de espinhas que estão inflamadas de forma severa e também irritações, o recomendado é tratamento com dermatologista, mas existem dicas interessantes e caseiras para lidar com o problema.

De início, a dica é preparar um pedaço do algodão molhado em água quente e colocá-lo sobre a espinha deixando por minutos. Esse método causa o amolecimento lento da espinha, e eliminação sem agressão pela pele.

Após o processo do algodão na espinha, é preciso enrolar gaze pelos dedos e iniciar a tentativa para expelir a espinhas de maneira delicada. O espaço para espremer deve ser de 1 cm ou 2 cm de distância, e não especificamente pela região da espinha.

No momento em que a espinha inflamada é removida é fundamental lavar muito bem o rosto, para eliminação dos resíduos de bactérias pela pele, que são risco para formação de outra.

O aspecto da prevenção é aliado contra o problema. Os alimentos para diminuir espinhas são saudáveis e recomendados no cardápio. Legumes e frutas com coloração amarelada ou laranja, sendo exemplos nectarina, mamão e abóbora são muito indicados para diminuir a ocorrência.

Outros itens recomendados são os peixes, sendo a sardinha um exemplo, alimentos ricos em ômega 3. E a fruta cítrica, diariamente, é excelente nesse tratamento, como abacaxi, limão e laranja.

Os alimentos que devem ser evitados são massas, carnes gordurosas, chocolate, e derivados do leite com maior espaço para derivados de leite de soja.

E com o consumo de cardápio composto por muita gordura, as glândulas sebáceas vão gerar mais sebo, e a tendência é que os poros fiquem entupidos com facilidade.

Com o tratamento da acne, e produtos cosméticos indicados, é essencial, além desses fatores, a hidratação e alimentação baseada em frutas e legumes, como auxiliadores para eliminação das toxinas pelo organismo, tratando a acne do interior para fora.

Os alimentos contendo muito açúcar devem ser evitados, com melhora no vigor da pele e ocorrência menor das espinhas, principalmente entre os adolescentes.

Outras medidas devem ser tomadas nesse tratamento, como lavar o rosto por duas vezes ao dia, usando sabonete à base de ácido acetilsalicílico, encontrado pelas farmácias. E também a hidratação da pele é fundamental, sendo o hidratante indicado em gel, específico contra a acne.

É importante também a aplicação de loção secativa para acne em espinhas inflamadas. E a atenção é para o hábito incorreto de espremer as espinhas, que torna a área ainda mais inflamada, com cicatriz e mancha, isso deve ser evitado, um hábito perigoso e comum entre as pessoas.

É essencial lembrar que o especialista dermatologista é preparado para o tratamento com pele saudável, contra as complicações da espinha inflamada e também para prevenção recomendada.

 

Tratamentos

  • Lavar o rosto uma ou duas vezes por dia suavemente, sabões que remove as bactérias infecciosas ou quaisquer outros efeitos nocivos em seu rosto e, mesmo depois de seus exercícios físicos também tomar banho.
  • Não tente espremer ou esfregue as espinhas. Ela pode levar à infecção de pele e doenças.
  • Evite muitas vezes tocar o seu rosto com as mãos e dedos.
  • Evite cosméticos químicos, use preferencialmente os produtos naturais e fórmulas “não-comedogênicos”.

medico emagecer mulher azul

 

>> RECOMENDAMOS PARA VOCÊ

[anelmagnetico]

Recomendados Para Você:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Meu Deus Não aguento mais esse meu rosto, vou fazer 27 anos, quando mais nova não tinha esse problema mais agora se tornou um caos, estou entrando em depressão…
    A 1 ano mais ou menos fiz alguns exames e nele me mostrou que eu tinha micropolicisticos, desde então venho tratando com todos os tipos de antibióticos, limpeza de pele, anticoncepcional e entre várias outras…
    O que ou quem vc me indicaria a procurar?? O que faço pelo amor de Deus, ja não suporto mais tantas espinhas :((((

    • Procure uma nutricionista funcional que vai ajudar a tratar o ovário policístico e as espinhas com alimentação e suplementos nutricionais! Bjos e boa sorte!

    • Boa noite Gleicy tudo bem com você, eu posso lhe ajudar com isso, me manda um email que te falo melhor . Beijos

      • Sofro com o mesmo problema tenho ovário policistico e consequentemente as espinhas não sei mais o que fazer.
        Se vc puder ajudar de alguma forma por favor me der retorno.