Esmaltes: 17 Truques Incríveis e Fáceis (GARANTIDO)

Tudo Sobre Esmaltes

Esmaltes

Informações Interessantes sobre Esmaltes e Unhas

O esmalte é indispensável para compor o visual feminino e há muita variedade entre coleções, cores e marcas.

A novidade é esmaltaria, loja com especialidade neste item do universo da mulher, cada vez mais comuns pelo Brasil.

Existem fatos interessantes sobre as unhas e esmaltes que muitas vezes não são conhecidos.

 

>> Tudo Sobre Unhas Decoradas, Esmaltes e Manicures.

Como Fazer o Esmalte durar mais tempo na Unha – Assista ao vídeo abaixo:

Dica fácil para limpar o excesso de esmalte das unhas – Assista ao vídeo abaixo:

Dica para o esmalte não criar bolinhas – Assista ao vídeo abaixo:

Recupere seu esmalte endurecido – Assista ao vídeo abaixo:

Como Fazer Esmalte em Casa – Assista ao vídeo abaixo:

Na dinastia Ming o esmalte era produzido em combinação de cera de abelha, gelatina, corantes vegetais, clara de ovo, goma arábica e era passado pelas unhas das mulheres da alta classe.

A indústria automobilística contribui para a formulação do esmalte atual. O produto usado atualmente é produzido do mesmo material da pintura dos carros.

Os vidros vazios de esmaltes podem ser reutilizados, com armazenamento do óleo vegetal. Este é poderoso amaciador de cutículas, contribuindo para deixar as mesmas saudáveis.

Pequenos buracos em vidros podem ser reparados, em pára-brisas ou janela, usando esmalte. Os buracos pequenos são preenchidos com gotas de esmalte claro e é necessário aguardar a secagem.

O mesmo procedimento funciona com pisos e madeira.

Não existe comprovação científica de que aplicar o esmalte com gelatina ou formol traga benefícios para unhas mais fortes.

A combinação torna as unhas duras e inflexíveis, com mais chance para quebrar.

Os esmaltes em cor escura, como vermelho, roxo, marrom, e preto podem manchar as unhas.

Na remoção do esmalte, o mesmo deixa a unha amarelada ou em ausência de cor; essa descoloração surge com o tempo, a não ser que as cores escuras sejam aplicadas continuamente.

A realeza francesa, pelo século XVIII tinha empregados para produzir as unhas, e não importava o sexo. Sinais como mãos ásperas e unhas tortas simbolizavam classe social inferior.

O crescimento das unhas é mais acelerado quando as mesmas são cortadas de forma freqüente, para pessoas mais jovens, em situações climáticas mais quentes e pelo dia.

Em 2007, no mês de setembro, Jill Brent percebeu um risco pequeno no carro e optou pela pintura usando esmalte, e esse processo se tornou obsessão.

Após um mês, o carro se transformou em colcha de retalho de cores, com estimados 250 vidros de esmaltes usados, a maioria deles doados; as crianças admiram o visual do veículo.

As unhas produzidas pintadas não foram sempre aceitas, em aspecto cultural. Nos anos 50, as cores vibrantes eram vistas como promíscuas, um exemplo é o vermelho, e qualquer esmalte deveria ser removido anteriormente aos cultos das igrejas, em domingos.

 

>> RECOMENDAMOS PARA VOCÊ

[anelmagnetico]

Recomendados Para Você:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *